Neil Armstrong, primeiro homem a pisar na Lua, morre aos 82 anos nos EUA

 

Leia matéria em:

 

http://noticias.uol.com.br/ciencia/ultimas-noticias/redacao/2012/08/25/neil-armstrong-primeiro-homem-a-pisar-na-lua-morre-aos-82-anos-nos-eua.htm

 

No link também tem um interessante vídeo na Lua.

Anúncios

GEORGES MÉLIÈS, O MÁGICO DO CINEMA

EXPOSIÇÃO no MIS
O Museu da Imagem e do Som de São Paulo – MIS – fica localizado na Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo
04 jul a 16 set 2012
Horário de visitação: terças a sextas, das 12h às 21h; sábados, domingos e feriados, das 11h às 20hexposições 1º andar / Espaço Expositivo 2º andarR$4 (inteira) e R$2 (meia) | Entrada gratuita às terças

    

O MIS apresenta a exposição Georges Méliès, o mágico do cinema. Inédita no Brasil, a mostra remonta, através de seis diferentes seções, a trajetória do artista e suas invenções revolucionárias na Sétima Arte. Produzida pela Cinemateca Francesa, a exposição exibe uma coleção única no mundo proveniente de duas fontes: a reunida desde 1936, na própria Cinemateca; e a herdada por sua neta, Madeleine Malthête-Méliès, que foi adquirida em 2004 pelo Centro Nacional de Filme, com o apoio do Fundo Patrimônio do Ministério da Cultura.

Conhecido como o pai dos efeitos especiais, Georges Méliès (1861-1938), atuava como mágico, diretor teatral, cenógrafo, ator, técnico e produtor. Durante sua trajetória profissional, também foi distribuidor de mais de 500 filmes entre os anos de 1896 e 1912. Na mostra do MIS, sua vida e carreira revisitadas, com objetos, cartazes, desenhos, figurinos, fotografias e documentos originais do artista.

Através das seções Méliès mágico; Méliès mágico e cineasta; O estúdio Méliès; O universo fantástico de Méliès; A Viagem à Lua; e Fim a mostra apresenta a vida e carreira do cineasta, reunindo objetos, cartazes, desenhos, figurinos, fotografias e documentos originais do artista. Georges Méliès, o mágico do cinema ainda conta com uma instalação exclusiva onde será possível criar filmes em stop motion com cenários baseados nas obras do cineasta.

Completando a exposição, o Museu ainda realizará projeções de onze de seus filmes em algumas das paredes. A obra-prima de Georges Méliès, Viagem à Lua (1902), será exibida dentro de uma nave espacial inspirada no filme, criada com exclusividade pelo MIS.

Instalação Méliès
O MIS concebeu, especialmente para acompanhar a exposição, a Instalação Méliès, uma obra interativa na qual grupos de até oito pessoas poderão criar filmes de até 30 segundos em meio aos cenários móveis que compõem essa instalação. Serão disponibilizados quatro narrativas e cenários para escolha dos participantes: De volta à pré-história; Exploração do espaço; A chegada do submarino; e Movimento planetário.

O trabalho, desenvolvido para o Espaço Redondo do Museu pela artista Letícia Ramos, permite uma experiência de imersão no mundo mágico do cineasta e ilusionista francês. A partir da escolha de uma narrativa, será possível manipular recursos cenográficos e efeitos especiais como o aparecimento e desaparecimento de objetos e pessoas e a mudança de tamanho de elementos da narrativa, semelhantes aos truques utilizados por Meliès em seus filmes.

maiores informações:  http://melies.mis-sp.org.br/

Este slideshow necessita de JavaScript.